Segunda, 12 Novembro 2018

O presidente da Fenafisco, Charles Alcantara, participa do 1º Congresso de Administração Tributária, na Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc), nos dias 12 e 13 de novembro, em Florianópolis. O evento no auditório do Centro de Ciências da Administração e Socioeconômicas (Esag), no campus da Udesc no bairro Itacorubi, terá também transmissão ao vivo pelo site vc.udesc.br. 

O congresso tem como objetivo promover o encontro de profissionais e acadêmicos que atuam na administração tributária, tanto do setor público como do setor privado, para refletir sobre os desafios e as perspectivas futuras nessa área.

Com informações do Portal Udesc.

CLIQUE AQUI para mais detalhes.

CLIQUE AQUI para acessar a programação completa.

 

Publicado em Agenda Fenafisco

Meta de Temer era abrir 2 milhões de vagas após redução dos direitos: não chegou nem a um quarto do previsto

Publicado em Na Mídia

A reunião da comissão mista que analisa a Medida Provisória 849/18, sobre a suspensão do reajuste salarial dos servidores públicos, reúne-se hoje para tentar escolher presidente, vice, e o relator da proposta. 

Publicado em Na Mídia

Em reunião com os técnicos da transição, Marcelo Caetano disse que foi conversado apenas a "metodologia de projeções"

Publicado em Na Mídia

Na segunda semana de trabalho em Brasília, os temas serão constantes

A primeira semana de trabalho da equipe econômica de transição definiu as prioridades do governo do presidente eleito Jair Bolsonaro.

Publicado em Na Mídia

Valdiney de Arruda, presidente do Sinait em Mato Grosso, diz que decisão não se justifica

O anúncio da extinção do Ministério do Trabalho pelo presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) pegou de surpresa analistas e funcionários ligados à atividade, na quarta-feira (7).

Publicado em Na Mídia

Evento destaca a preocupação sobre as mudanças na seguridade social que podem ser feitas ainda neste ano, sem necessidade de alterações constitucionais

Publicado em Na Mídia

O ministro extraordinário da equipe de transição, Onyx Lorenzoni, afirmou hoje (12) que o presidente eleito Jair Bolsonaro recebeu novas sugestões de mudanças na Previdência, mas a tendência é que o assunto só seja votado pelo Congressso Nacional a partir do próximo ano.

Publicado em Na Mídia