Sindaftema-MA participa do Fórum Internacional Tributário, em São Paulo.

11 Junho 2018
(0 votos)

O Sindaftema participou do FIT (Fórum Internacional Tributário), que foi realizado entre os dias 04 a 06 de junho de 2018, no Teatro NET, da Vila Olímpia, em São Paulo (SP).

A comitiva maranhense contou com o presidente do Sindaftema, Raymundo Emídio, o tesoureiro, Hidel Matos, o diretor social do sindicato, Ronaldo Oliveira (também diretor para assuntos técnicos da Fenafisco) e os auditores fiscais Jorge Castro e Jomar Fernandes. O Secretário de Estado da Fazenda do Maranhão, Marcellus Alves, e o Secretário Adjunto, Magno Vasconcelos, participaram do evento como convidados especiais.

O Fórum é uma iniciativa da Fenafisco (Federação Nacional do Fisco Estadual e Distrital), Anfip (Associação Nacional dos Auditores Fiscais da Receita Federal do Brasil) e Sinafresp (Sindicato dos Agentes Fiscais de Rendas do Estado de São Paulo).

Na ocasião, especialistas de várias nações discutirão as práticas tributárias desenvolvidas em seus países, e com isso, ajudarão a traçar os caminhos para um sistema tributário mais justo no Brasil.

Na abertura do evento, foi realizada a palestra magna do jovem economista irlandês Marc Morgan, da Paris School of Economics, França. Nos últimos anos, ele vem investigando dados sobre a concentração de renda no Brasil para definir um retrato mais apurado da desigualdade no país. Marc é aluno do francês Thomas Piketty, o economista que ganhou fama mundial com o best-seller “O Capital no Século XXI”.

A deputada estadual do RS e pré-candidata à presidência da República, Manuela d’Ávila, também participou da abertura do Fórum Internacional Tributário e defendeu a tributação sobre lucros e dividendos para combater a desigualdade social no Brasil. “Elite brasileira não paga imposto, porque nós não tributamos os multimilionários, renda, patrimônio, lucros e dividendos” , afirmou.

No período da tarde, foram abordados outros assuntos como o sistema tributário europeu e dos BRICS (Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul), a experiência da América Latina, evasão, paraísos fiscais e meio ambiente.

Além dos debates, foi lançado o Livro “A Reforma Tributária Necessária: diagnóstico e premissas”. A obra é fruto da análise de mais de quarenta especialistas sobre o cenário tributário nacional.

Fonte: Sindaftema - MA

Ler 69 vezes