MG | Em manifesto na imprensa, Sindifisco, Affemg e demais entidades pressionam pelo ressarcimento dos recursos subtraídos de Minas em função da Lei Kandir

12 Agosto 2019

Entidades pedem que sociedade mineira se una em um grande pacto estadual em defesa da pauta

A edição de domingo do jornal Estado de Minas traz publicado na página 3 do primeiro caderno um “Manifesto pelo direito de receber o que é devido aos mineiros”. O título é uma referência às perdas de arrecadação sofridas por Minas Gerais em 23 anos de vigência da Lei Kandir e que já ultrapassam R$ 135 bilhões. Assinam o manifesto o Sindifisco-MG, a Affemg, o Sindicato dos Servidores da Justiça de Primeira Instância do Estado de Minas Gerais (Serjusmig), o Sindicato dos Trabalhadores em Saúde de Minas Gerais (Sind-Saúde/MG) e a Associação dos Oficiais da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros de Minas Gerais (AOPMBM).

As entidades criticam a postura da União na audiência de conciliação realizada no dia 5 de agosto no Supremo Tribunal Federal (STF), que resultou, mais uma vez, no adiamento da decisão, num processo que já se arrasta há três anos. Ressaltam, ainda, que é a União a principal responsável pela crise que se abate sobre estados e municípios, derivada de uma política econômica recessiva, absurda concentração de receitas não compartilhadas e transferência de encargos para estados e municípios.

Leia publicação na íntegra.

Fonte: Sindifisco - MG

Ler 9 vezes