SINDIFISCO-MG e Affemg criticam reforma administrativa federal em vídeo exibido na TV Band Minas

19 Outubro 2020


Vídeo frisa que estabilidade é garantia para que servidores atuem de forma impessoal e transparente e que reforma poderá significar uma porta aberta para a corrupção

Com a proposta de trabalhar temas atuais que contribuam para a valorização do serviço público e do servidor, Sindifisco-MG e Affemg vêm produzindo vídeos em parceria, exibidos durante a programação da TV Band Minas. O mais recente desses vídeos aborda a reforma administrativa federal e chama atenção para o fato de que o servidor trabalha para servir o cidadão e que a estabilidade é uma garantia, antes de tudo para a sociedade, de que esse trabalho será realizado de forma impessoal e transparente.

A mensagem ressalta que, com a reforma, os servidores poderão ser coagidos a atender interesses políticos, “uma porta aberta para a corrupção”. O vídeo foi exibido pela primeira vez na última sexta-feira, no intervalo do programa Entrevista Coletiva, e seguirá no ar com inserções diárias durante duas semanas.

Por se tratar de TV aberta, estima-se que os vídeos têm longo alcance, levando a mensagem das entidades do Fisco a milhões de mineiros em todo o estado. Entre os temas trabalhados nas produções anteriores estão a importância do serviço público (“O serviço público de qualidade diminui diferenças”), a importância do trabalho do auditor fiscal (“Mesmo na pandemia, nos últimos dois meses arrecadaram R$ 9 bilhões”) e a reforma da Previdência estadual. Sindifisco-MG e Affemg seguem produzindo novos vídeos, certos de que a comunicação com a sociedade é uma das ferramentas mais importante para combater o projeto de desmonte do Estado e de vilanização do servidor, iniciativa do governo federal respaldada pelo governo de Minas.

Fonte: Sindifisco - MG

Ler 27 vezes