Ala “comunista” do PSL ameaça reforma da previdência

Os 12 deputados que integram a comitiva do PSL que visita a China, segundo a revista Piuaí, pode melar a reforma da previdência de Jair Bolsonaro (PSL).

 
A ala “comunista” do PSL vem sendo usada como “bode expiatório” para o governo desviar a atenção do Caso Queiroz.

A bancada “chinesa” ameaça Bolsonaro lembrando-o que o governo FHC, em 1998, perdeu a votação da reforma da previdência por apenas um voto.

Fonte: Blog do Esmael

Ler 169 vezes