Para Jayme Campos, reforma tributária precisa integrar agenda prioritária do país

O senador Jayme Campos (DEM-MT) defendeu em Plenário, nesta quinta-feira (27), que a reforma tributária passe a integrar a agenda prioritária do país.

Para ele, o Brasil entrou numa quadra de esgotamento e que as reformas estruturais serão fundamentais para melhorar as expectativas dos agentes econômicos.

Ele criticou o Sistema Tributário Nacional ao defini-lo como desigual. Na sua avaliação, o contribuinte paga uma carga elevada, não tem retorno na melhoria dos serviços públicos além de contar com um sistema que desestimula os investimentos. Jayme acredita que uma reforma geral ajudará na retomada do crescimento econômico do Brasil, com a geração de emprego e redução da burocracia.

— A adoção de um imposto federal simplificador do sistema tributário parece ser o primeiro passo nessa direção. Nessa linha, é muito importante também estabelecer uma nova divisão dos tributos entre União, estados e municípios, de forma a tornar mais justo o pacto federativo. Com a aprovação da reforma tributária e a redução dos impostos no país, o Brasil conseguirá avançar talvez na retomada do seu crescimento econômico — sugeriu.

Fonte: Agência Senado

Ler 124 vezes