Notícias Fenafisco

Limite para salário inicial de servidor público em R$ 5 mil, adiamento do reajuste do funcionalismo, de 2018 para 2019, aumento da contribuição previdenciária dos funcionários públicos, de 11% para 14%, e extinção do auxílio reclusão, concedido atualmente a famílias de presos. Essas são algumas das medidas impopulares que o governo pretende anunciar nos próximos dias para reduzir as despesas públicas.

Publicado em Na Mídia

Reportagem da ONG Reporter Brasil traz lista de empresas cuja dívida em PIS/Cofins supera a marca do meio trilhão de reais.

Os dois impostos foram reajustados recentemente pelo governo Temer para, supostamente, aplacar um rombo nas contas do governo. O aumento elevou o preço da gasolina, do álcool e do diesel e foi o maior reajuste dos últimos 13 anos.

Publicado em Na Mídia

Uma centena de drásticas mudanças na CLT (Consolidação das Leis do Trabalho) entra em vigor em novembro, com a aprovação da reforma trabalhista (Lei 13.467/2017). Para tentar contornar o ataque orquestrado pelo golpista Michel Temer e aliados, parlamentares da oposição apresentaram quase uma dezena de propostas que revogam ou alteram a lei.

Publicado em Na Mídia

Uma jornada de debates com comentários aprofundados sobre os efeitos da Reforma Trabalhista na vida do brasileiro foi inclusa na agenda sindical do Tocantins. De acordo com o entendimento firmado entre as centrais sindicais do estado, a próxima terça-feira,15, será marcada pela realização da 14ª Jornada Nacional de Debates, com ênfase na reforma aprovada no mês passado pelo Senado Federal.

LDO prevê o crescimento de 2,49% do PIB no próximo ano; inflação deve ficar em 4,5% e a taxa básica de juros em 9%. Há ainda previsão de crescimento de 4,5% para o salário mínimo, chegando a R$ 979

O presidente Michel Temer sancionou o projeto da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) para 2018 com uma série de vetos. A Lei 13.473/17 e os vetos foram publicados no Diário Oficial da União desta quarta-feira (9). A lei é decorrente do PLN 1/17, aprovado em sessão conjunta do Congresso Nacional em julho. O texto aprovado foi relatado pelo deputado Marcus Pestana (PSDB-MG).

Publicado em Na Mídia

Votação de destaques não foi concluída por falta de quórum nesta quinta-feira. Pelo texto aprovado, no ano que vem serão eleitos os candidatos a deputado mais votados em cada estado. Campanhas poderão receber recursos de fundo constitucional com R$ 3,6 bilhões

Por falta de quórum, a comissão especial que analisa mudanças nas regras eleitorais (PEC 77/03) não conseguiu concluir a votação do parecer do relator, deputado Vicente Cândido (PT-SP). Falta votar ainda três destaques.

Publicado em Na Mídia