Quarta, 09 Janeiro 2019

Ideia é fazer acordos e facilitar pagamentos para aumentar a arrecadação. Quem não pagar será acionado judicialmente

Os brasilienses que têm dívidas de impostos e taxas com o Governo do Distrito Federal (GDF) receberão cartas em casa e avisos para quitar ou negociar as pendências. A ideia é dar descontos para estimular pessoas físicas e jurídicas a pagarem os débitos e, assim, aumentar a arrecadação. A medida faz parte de um convênio assinado entre o GDF e o Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios (TJDFT) nesta quarta-feira (9/1).

Publicado em Na Mídia

O deputado federal delegado Waldir Soares (PSL) comentou o veto do presidente Jair Bolsonaro (PSL) à criação de benefícios fiscais para empresas que estão na área da Superintendência do Desenvolvimento do Centro-Oeste (Sudeco).

Publicado em Na Mídia

Carlos Costa é acusado de omitir e prestar informações falsas na declaração de Imposto de Renda de pessoa física. A decisão cabe recurso, mas Costa ainda não se pronunciou

Publicado em Na Mídia

Devedores de impostos municipais do Rio vão receber, nos próximos meses, cartas de protesto da prefeitura – e quem não pagar ficará com o nome sujo na praça e poderá perder a casa. A Procuradoria-Geral do Município espera receber até junho R$ 200 milhões em tributos como IPTU, ISS e ITBI em atraso.

Publicado em Na Mídia

O aumento da receita estadual foi um dos pontos centrais do discurso do governador Wilson Witzel, nesta terça-feira (8), durante a cerimônia de posse do procurador-geral do Estado, Marcelo Lopes, que recebeu o cargo de Rodrigo Zambão. Witzel reafirmou que sua equipe terá uma força-tarefa para melhorar a situação do caixa fluminense, e destacou que, sem isso, o governo pode chegar a julho sem dinheiro.

Publicado em Na Mídia

A política de intensificação da fiscalização e de combate sem tréguas à sonegação é um esforço do governo visando o aumento da receita

O governador Mauro Mendes (DEM), disse em entrevista à rádio Capital FM, na manhã desta quarta-feira (9), que vai promover um forte combate à sonegação em Mato Grosso. “Vamos fazer um esforço gigante para aumentar a receita e combater a sonegação. Já escalei quatro delegados para esta meta e vou escalar mais quatro. A ordem é ir pra cima dos grandes sonegadores”, afirmou o democrata.

Publicado em Na Mídia

Categoria monta estratégia para deixar clara a insatisfação por, eventualmente, ser incluída na reforma da Previdência. O alvo principal é o ministro da Economia, Paulo Guedes, que insiste em colocá-la no projeto que seguirá para o Congresso

Os militares se anteciparam e montaram uma estratégia nada silenciosa para deixar clara a insatisfação de serem eventualmente incluídos no texto da reforma da Previdência prestes a ser apresentado ao Congresso Nacional. Em todos os discursos e entrevistas, chefes e representantes das Forças Armadas se mostram contrários à entrada do pessoal da caserna no projeto de mudanças das regras de aposentadoria.

Publicado em Na Mídia

"Vai ser tudo junto", disse Guedes, descartando qualquer "fatiamento" da reforma, mas Bolsonaro ainda precisa bater o martelo

Brasília – A visão da equipe econômica de uma reforma da Previdência mais duradoura e de longo prazo deve prevalecer na versão que será apresentada ao presidente Jair Bolsonaro na próxima semana. Essa foi a indicação dada pelos ministros da Economia, Paulo Guedes, e da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, que se reuniram na terça-feira, 8, na sede do antigo Ministério da Fazenda após uma série de desentendimentos entre as alas econômica e política do governo em torno da proposta que é considerada essencial para a sustentabilidade das contas públicas.

Publicado em Na Mídia

Encontro com o deputado tucano Luiz Carlos Hauly (PR) será nesta quinta-feira (10)

Nota:

O presidente Jair Bolsonaro e o ministro da Economia, Paulo Guedes, receberão nesta quinta-feira (10) o relator da reforma tributária, o deputado Luiz Carlos Hauly (PSDB-PR). O tucano explicará detalhes do projeto na esperança de que Bolsonaro se esforce para aprová-lo na Câmara dos Deputados.

Publicado em Na Mídia