Terça, 15 Janeiro 2019
Quarta, 16 Janeiro 2019 13:52

Reunião sobre Reforma da Previdência

Nesta quarta-feira (16) às 14h, o diretor de Aposentados e Pensionistas da Fenafisco, Celso Malhani, participa de reunião para debate prévio sobre a Reforma da Previdência na sede da Anamatra, junto à outras entidades nacionais do serviço público.

Publicado em Agenda Fenafisco

A iniciativa também abrange negociações realizadas por dinamarqueses em plataformas estrangeiras

Publicado em Na Mídia

A União pagou R$ 4,4,823 bilhões em garantias de empréstimos de Estados e municípios durante 2018. O valor supera o total gasto em 2017, quando fechou em R$ 4,060 bilhões, e o dobro de 2016, quando pagou R$ 2,378 bilhões.

As informações são do Relatório de Garantias Honradas pela União em Operações de Crédito, divulgado nesta 3ª feira (15.jan.2019) pelo Tesouro Nacional.

Publicado em Na Mídia

A Lei 13.808, que trata do Orçamento da União e estima receita para o exercício de 2019 em mais de R$ 3,3 trilhões está publicada no Diário Oficial da União desta quarta-feira (16). Ela também fixa a despesa em igual valor.

Publicado em Na Mídia

“Não vamos alisar a cabeça de ninguém”, diz chefe da Casa Civil

O secretário-chefe da Casa Civil Mauro Carvalho afirmou que o Governo do Estado vai “trabalhar pesado” contra os sonegadores de impostos.

Ele afirmou que a sonegação é um câncer que precisa ser combatido. O objetivo é aumentar a arrecadação e assim ajudar Mato Grosso a sair da crise econômica.

Publicado em Na Mídia

Ação foi realizada na última sexta-feira (11), com o objetivo de assegurar os pagamentos dos salários de dezembro

Publicado em Na Mídia

O Brasil vai entrar 2019 no topo da lista dos países com a maior alíquota de imposto sobre o lucro das empresas em todo o mundo. A França, que hoje lidera o ranking, promoverá um corte já anunciado pelo presidente Emmanuel Macron, que prevê queda dos atuais 34,4% para 25% até 2022. A alíquota que incide sobre o lucro das empresas no Brasil (cobradas pelo Imposto de Renda e Contribuição Social sobre o Lucro Líquido) é de 34%.

Publicado em Na Mídia

Proposta levada para equipe de Bolsonaro prevê uma renda equivalente a 70% do salário mínimo, de 698,60 reais para maiores de 65 anos

A proposta de reforma da Previdência preparada pela equipe econômica deve ser apresentada ao presidente Jair Bolsonaro nesta semana. Uma das versões, capitaneada pelo ex-presidente do Banco Central Arminio Fraga e pelo economista Paulo Tafner, cria um benefício universal para todos os trabalhadores idosos (a partir dos 65 anos), independentemente de terem atingido um tempo de mínimo de contribuição para a aposentadoria. 

Os idealizadores dessa versão dizem que as mudanças gerariam uma economia de cerca de 1,3 trilhão de reais em dez anos, quase o triplo da proposta de emenda à Constituição (PEC) 287 enviada pelo ex-presidente Michel Temer ao Congresso. A proposta de Temer cria uma idade mínima para a aposentadoria de 65 anos para homens e 62 anos para as mulheres.

Fonte: Revista Veja

Publicado em Na Mídia

Chefe da Casa Civil deu declaração após se reunir com ministro da Economia, Paulo Guedes. Bolsonaro participará do Fórum Econômico Mundial na semana que vem, na Suíça.

O ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, afirmou nesta terça-feira (15) que o presidente Jair Bolsonaro deve dar o "sinal verde" sobre a proposta de reforma da Previdência Social após a viagem a Davos, onde participará do Fórum Econômico Mundial.

Publicado em Na Mídia