Domingo, 20 Janeiro 2019

A Diretoria Colegiada do Sintaf voltou a se reunir com a secretária da Fazenda, Fernanda Pacobahyba, no final da tarde desta quinta-feira (17/1). Os debates se centraram na pauta específica dos servidores fazendários: incremento de arrecadação, adicional do PDF, incorporação do piso do PDF, Lei Orgânica da Administração Fazendária (LOAF) e concurso público para todos os cargos da Secretaria da Fazenda. Na ocasião, também compuseram a mesa a secretária Executiva da Sefaz, Liana Machado, a Assessora Jurídica, Antônia Torquato, e a orientadora da Célula de Gestão de Pessoas (CEGEP), Edlourdes Pires.

Publicado em Na Mídia

Campo Grande (MS) – Representantes do Sindifisco-MS estiveram reunidos essa semana com os novos Secretários de Fazenda de MS. Para este segundo mandato do Governador Reinaldo Azambuja frente a gestão estadual, assumiram a pasta o Secretário, Felipe Mattos, e o Secretário-adjunto, Lauri Kenner.

Publicado em Na Mídia

BRASÍLIA - O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ) defendeu neste sábado que a reforma da Previdência só será aprovada no Congresso Nacional caso o governo do presidente Jair Bolsonaro construa um texto em conjuntos com Estados e municípios. A declaração foi feita após reunião entre Maia, o governador de Goiás, Ronaldo Caiado, e parlamentares do Estado no Palácio das Esmeraldas, em Goiânia.

Publicado em Na Mídia

Clima em casa Dirigentes do PSL preveem constrangimento quando chegar a hora de votar a reforma da Previdência. Entre os 52 deputados eleitos pelo partido de Jair Bolsonaro, há 16 policiais e 5 militares, avessos a mudanças nas aposentadorias de suas corporações.

Publicado em Na Mídia

Estado começam a declarar calamidade financeira e devem cortar até pessoal

Publicado em Na Mídia

"Reforma levará à consolidação fiscal e expansão", diz Velho 

O presidente Jair Bolsonaro chegou ao Palácio do Planalto com a missão de promover equilíbrio fiscal e crescimento. Porém, neste momento não há assunto mais popular, entre aficionados por política e economia, do que a reforma da Previdência. E, nada mais justo, quando as perspectivas de crescimento sustentado tropeçam em gastos do governo com aposentados e pensionistas.

Publicado em Na Mídia

Armínio Fraga, ex-presidente do Banco Central, disse à Época que a reforma previdenciária precisa ser “impactante” e incluir os militares.

Publicado em Na Mídia

O “pente-fino” anunciado pelo presidente Bolsonaro nos benefícios pagos pelo INSS indica que os direitos de milhares de beneficiários podem sofrer cortes arbitrários e será um tiro no pé do governo.

Publicado em Na Mídia

Débitos tributários. Valor só perde para Refis da crise feito por Lula no fim de 2008 que anistiou R$ 60,8 bi, mas daquela vez firmas sofriam impacto brutal da crise financeira global; governo Bolsonaro é contra concessão de novos programas de parcelamento

 

O último grande Refis, concedido pelo governo federal durante a gestão do ex-presidente Michel Temer, perdoou R$ 47,4 bilhões em dívidas de 131 mil contribuintes, de acordo com o balanço final do programa de parcelamento de débitos tributários, obtido pelo "Estadão/Broadcast". O restante - R$ 59,5 bilhões, ou pouco mais da metade da dívida original - foi parcelado em até 175 prestações.

Publicado em Na Mídia

Os 12 deputados que integram a comitiva do PSL que visita a China, segundo a revista Piuaí, pode melar a reforma da previdência de Jair Bolsonaro (PSL).

Publicado em Na Mídia
Página 1 de 2