Terça, 18 Fevereiro 2020

Nesta terça-feira (18), os diretores da Fenafisco, Celso Malhani (Administrativo e Financeiro) e Ricardo Bertolini (Assuntos Parlamentares), representando o Fórum Nacional Permanente de Carreiras Típicas de Estado (Fonacate), se reuniram no gabinete do senador Weverton Rocha (PDT-MA) para tratar da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 186/2019 – PEC Emergencial, que em síntese prevê a redução de 25% da jornada e do salário dos servidores, e buscar apoio para apresentação de emendas.

Publicado em Notícias Fenafisco

O SINDAFEP ao longo dos últimos anos tem enfrentado inúmeros embates e participado de diversos debates com a administração do Poder Executivo Estadual, da Secretaria da Fazenda e da Receita Estadual do Paraná, visando melhorias salariais dos colegas ativos, aposentados e pensionistas.

Publicado em Na Mídia
Quarta, 19 Fevereiro 2020 11:19

Sindifern-RN | 31 anos de lutas e conquistas

A data de 17 de fevereiro é de grande importância para o Fisco do Rio Grande do Norte.

AFRs têm 30 dias para enviar ao Sinafresp textos de até 20 mil caracteres relacionados a tema e subtemas do evento

Eleito em novembro vice-presidente do Sindifisco-MG, Hugo Sena atuará nas ações de mobilização

O Sindaftema continua em posição atuante na Federação Nacional do Fisco Estadual e Distrital – Fenafisco, com a indicação do diretor social do sindicato, Ronaldo Oliveira, para comandar o Departamento de Políticas Sociais da Federação.

O diretor de administração e finanças do Siprotaf, João Bosco Borralho e o Diretor Juridico Willian Rossi, participam na manhã desta quinta-feira (13/02) de palestra na Câmara Federal, sobre a Reforma Tributária.

A mesa do Conselho Deliberativo (CD) do Sindifiscal-MS passa a ter Nelson Schneider, delegado da Regional de Mundo Novo, como presidente e Everson Cordeiro, que é vice-diretor de Assuntos Jurídicos, passa a ser também secretário.

A Unidade de Inteligência Fiscal e Monitoramento (UIFM) da Secretaria de Estado de Fazenda de Mato Grosso (Sefaz/MT) passou a ter em janeiro um novo chefe.

Texto: Weverton Campos

Enquanto corre o risco de perder bilhões de reais em razão da mudança no regime de partilha dos royalties do petróleo, cuja decisão, a cargo do STF (Supremo Tribunal Federal), está marcada para abril, o Espírito Santo viu sua arrecadação com tributos estaduais - de atribuição dos auditores fiscais - crescer 11,3% no ano de 2019, quando foram alcançados R$ 11,9 bilhões (frente aos R$ 10,7 bi de 2018).

Página 1 de 3