Propinas, reformas e obstrução: as últimas provas de crimes contra Temer

26 Junho 2017

Ministério Público e Polícia Federal identificaram caminho de propinas de empresas para o presidente

Não faltaram opções ao presidente Michel Temer. Anfitrião de uma reunião secreta com o empresário Joesley Batista, sócio do frigorífico da JBS, Temer podia mandar o velho conhecido pleitear suas demandas como qualquer pessoa, nos balcões dos órgãos públicos onde queria facilidades. Mas, na fatídica conversa de 7 de março, Temer podia oferecer um atalho a Joesley e falou para ele tratar “tudo” com o deputado federal Rodrigo Rocha Loures (PMDB-PR), ex-assessor e homem da inteira confiança do presidente. Isso mudou tudo.

CPI da Previdência debate estimatitva populacional adotada pelo governo

23 Junho 2017

A CPI da Previdência terá audiência pública na segunda-feira (26), às 14h30, para debater as estimativas populacionais adotadas pelo governo para definir o deficit da Previdência Social. A realização da audiência atende a requerimento dos senadores José Pimentel (PT-CE) e Paulo Paim (PT-RS).

Foram convidados para a audiência o diretor de pesquisas do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), Cláudio Dutra Crespo, e o professor Solon Venâncio de Carvalho, do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe). Os professores Marcelino Silva da Silva e Carlos Renato Lisboa Frances, da Universidade Federal do Pará, completam a lista de convidados.

A CPI da Previdência foi criada para investigar a contabilidade da Previdência Social,para  esclarecer receitas e despesas do sistema, bem como os possíveis desvios de recursos. Autorizada a funcionar até o início de setembro, a comissão tem o senador Paulo Paim como presidente e o senador Hélio José (PMDB-DF) como relator.

Interativo
A audiência será realizada na sala 19 da Ala Senador Alexandre Costa e terá caráter interativo. Críticas, perguntas e sugestões poderão ser enviadas por meio do Portal e-Cidadania ou pelo telefone 0800 612211.

COMO ACOMPANHAR E PARTICIPAR
Participe: 
http://bit.ly/audienciainterativa
Portal e-Cidadania:
www.senado.gov.br/ecidadania
Alô Senado (0800-612211) 

LDO 2018 deve ser votada antes do recesso parlamentar de julho

23 Junho 2017

A Comissão Mista de Planos, Orçamentos Públicos e Fiscalização (CMO) divulgou nesta quinta-feira (22) novo calendário para apreciação do projeto da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) para 2018. A intenção dos parlamentares é votar o relatório final sobre a peça orçamentária no dia 13 de julho, poucos dias antes do início do recesso parlamentar, que ocorre anualmente de 18 a 31 de julho. O presidente da CMO é o senador Dário Berger (PMDB-SC).